Jaqueline Weigel, futurista, para Jornal Gazeta do Sul, 12/06/2023

O sucesso hoje pode virar um case de fracasso amanhã

No mundo digital a gestão mudou radicalmente. No cenário empresarial em constante evolução, o planejamento estratégico desempenha um papel crucial na determinação do sucesso a longo prazo das organizações.

No entanto, à medida que avançamos em direção ao futuro, o ambiente de negócios está se tornando cada vez mais volátil, incerto, complexo e ambíguo. Diante desses desafios, é essencial que as empresas adotem uma abordagem proativa e orientada para o futuro de pelo menos 10 anos em seu planejamento estratégico. As metodologias de Foresight, pode ajudar as organizações a construir uma base sólida para o sucesso em um mundo em constante mudança.

Esta abordagem se concentra em antecipar e se adaptar às mudanças e tendências emergentes que podem afetar o sucesso de uma organização a médio e longo prazo.

Enquanto o planejamento estratégico convencional se concentra principalmente no presente e no curto prazo, o planejamento estratégico para o futuro amplia a visão para incluir uma perspectiva mais ampla e de longo prazo. O ideal é combinar os dois. Minha especialidade.

O mercado futuro é caracterizado por ainda mais incerteza. O avanço da tecnologia, as mudanças demográficas, as questões ambientais, as tendências socioeconômicas e os avanços regulatórios são apenas alguns dos fatores que contribuem para esta complexidade. Nesse contexto, o planejamento estratégico para o futuro busca identificar as possíveis direções em que o ambiente empresarial pode evoluir e desenvolver estratégias flexíveis que possam se adaptar rapidamente a estas mudanças.

Uma parte fundamental deste processo é a antecipação e análise de probabilidades. Isso envolve identificar os principais impulsionadores de mudança, como a tecnologia, as preferências do consumidor e as tendências de mercado, e avaliar seu impacto potencial no negócio. Através desta análise, as organizações podem identificar oportunidades emergentes, riscos potenciais e áreas de inovação que podem impulsionar sua vantagem competitiva no futuro.

Uma abordagem orientada para o futuro no planejamento estratégico requer que as organizações desenvolvam flexibilidade e resiliência em seu modelo de negócio. Isso envolve a capacidade de se adaptar rapidamente e ajustar a estratégia de acordo com as novas circunstâncias, dando respostas ágeis para o mercado.

Além disso, a resiliência é fundamental para enfrentar possíveis turbulências e incertezas que podem surgir ao longo do caminho. As organizações devem estar dispostas a abandonar práticas ultrapassadas e adotar uma mentalidade ágil, inovadora e de aprendizado contínua.

Vemos empresas bem sucedidas que não consideram ou aceitam o que já está posto. Esta negação que pode custar caro ao negócio em poucos anos. Planejar é para o curto prazo, mas este horizonte precisa de estratégias com objetivo de futuro relevantes, propósito e planejamento reverso, ou acabará em um grande vazio de caminhos que não levam para lugar algum.

Já vimos empresas de sucesso virarem cases de fracasso em pouco tempo. E ela quase sempre é liderada por pessoas práticas demais, rasas e com foco no curto prazo.

Saiba mais sobre a Casa21, expert em #Foresight e #FuturesStudies no Brasil.

#planejamento #estratégia #futuro #foresight #futurismo

WeCreativez WhatsApp Support
Nossa equipe de suporte ao cliente está aqui para responder às suas perguntas. Pergunte-nos qualquer coisa!
👋 Olá, como posso ajuda-lo?