Jaqueline Weigel, futurista, para Jornal Gazeta do Sul, 01/05/2023

A palavra trabalho tem origem no termo latim tripaliāre, que significa torturar, causar fadiga, sofrimento ou penalidade. Há alguns séculos, trabalhar era visto como uma punição. Para algumas gerações tornou-se um fardo, outras uma forma de conquista de recursos, poder, sucesso, e em modos mais exagerados, quase uma razão para viver.

Hoje, trabalho e prazer, fluidez, propósito, relevância e vida pessoal fazem parte de uma única ciranda, que nos possibilita agir de forma mais integrada com todos os aspectos de nossa vida.  A carreira é uma jornada riquíssima, funcional, que nos realiza, ensina e nos serve de palco para os grandes feitos.

Em 2030, o trabalho já deve ser bem diferente, influenciado por muitas tendências atuais, avanços tecnológicos, mudanças demográficas e culturais. A automação e Inteligência Artificial já estão mudando a forma como trabalhamos. Muitos empregos podem ser automatizados, o que significa que os trabalhadores precisarão se adaptar e desenvolver novas habilidades para permanecer relevantes.

O trabalho remoto já é uma realidade sem volta. Muitas empresas perceberam que é possível trabalhar de casa e economizar em custos de escritório, permitindo que os trabalhadores trabalhem de qualquer lugar do mundo. O trabalho flexível já é popular, e isso pode se tornar ainda mais comum até 2030. Trabalhadores podem escolher quando e onde trabalhar, desde que cumpram suas obrigações. A colaboração pode se tornar ainda mais crucial. Com a complexidade aumentando, os trabalhadores precisarão colaborar mais para resolver problemas e criar soluções inovadoras.

Até 2030, a força de trabalho estará mais velha e mais diversa. As empresas precisarão se adaptar a essa mudança, fornecendo treinamento e oportunidades de desenvolvimento de carreira para uma força de trabalho mais madura e diversificada.

A ética vem se tornando ainda mais importante na força de trabalho. Com a crescente conscientização sobre questões sociais e ambientais, as empresas precisarão levar em consideração seus impactos imediatos e futuros na sociedade e no meio ambiente.

No início da carreira nos permitimos testar, experimentar, mudar sem que sejamos julgados por isso. Ao longo do caminho, queremos navegar de forma mais profunda, e achar uma trilha significativa, que una trabalho e propósito e nos permita trabalhar de maneira alegre e feliz diariamente. Minha pesquisa mostra que os jovens de hoje rechaçam o estilo de vida dos pais e das gerações que até então eram vistas como bem sucedidas. Não aceitam ambientes tóxicos, lideranças controladoras e projetos vazios que visam apenas o lucro.

Temos que encontrar os mundos das diferentes gerações. Todos são importantes nesta jornada, desde que não nos obriguem a viver no presente com os valores do passado. Trabalhar é a forma como a alma se expressa, como ela realiza as coisas no mundo material. É um dos maiores laboratórios da vida. Não podemos mais aceitar jornadas infelizes, que custam nossa saúde e que fazem com que poucos vivam bem às custas de muitos vivendo mal. Viva o trabalho!! Sem ele, a vida seria bem vazia.

Saiba mais sobre a Casa21, expert em #Foresight e #FuturesStudies no Brasil.

WeCreativez WhatsApp Support
Nossa equipe de suporte ao cliente está aqui para responder às suas perguntas. Pergunte-nos qualquer coisa!
👋 Olá, como posso ajuda-lo?